Letra de

Almas e Corações

Alcione

Quem viu o carente a mendigar no calçadâo
Fingiu que não viu
Quem viu a família repartir o fim do chão
Fingiu que não viu
Quem viu o coroa de trinta natais
Morrer pedindo emprego em mundiais
Em cada fila de resposta não
Fingiu que não viu

Quem viu a guria pondo a venda seu troféu
Fingiu que não viu
Quem viu o garoto a convocar pro beléleu
Fingiu que não viu
Quem viu o imigrante recebido aqui
Com algazarra pelo bisturí
Da tal bandeira crime da estação
Fingiu que não viu
Quem viu a marmita do trabalhador
Aberta para o atravessador
Na passarela da violação
Fingiu que não viu

Almas temos e aos milhões
O que falta são corações
Da cidade cinzenta que vê e aguenta
Fingir que não vê
E não vê
Não vê

Almas temos e aos milhões
O que falta são corações
Pra cidade cinzenta que vê e aguenta
Fingir que não vê.

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Almas e Corações de Alcione assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.