Letra de

Lá Vem Você

Alcione

Você chega em casa mais cedo
na volta do emprego
Me abraça,me beija,me faz um chamego
Diz que vai na rua e não vai demorar
Porém na esquina da rua existe um barraco
De onde um amigo acena com um taco
Chamando você pra jogar um bilhar
Aí,você vai pra que o amigo não fique sem graça
E pede o garçom pra trazer a cachaça
Esquece que a vida é um eterno voltar

Lá vem dor no peito
Mas também pra mim,bem-feito
Que não sei deixar você

De pois você fala do Mengo e
da sua Mangueira
Reclama da vida e fala besteira
Contando vantagem,querendo brigar
É quando um amigo batuca um
samba do chico
Seu peito machuca e um fico,não fico
Aperta seu peito,fazendo chorar
Aí você pede a Deus que ele mais te proteja
E pede ao garçom pra trazer a cerveja
Esquece que a vida é um eterno voltar

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Lá Vem Você de Alcione assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.