Letra de

Mulher, e Daí? (Apenas Mulher)

Alcione

E daí, pouco importa se você se importa
Ou se interessa ou não interessa
É fim de conversa, eu volto pra vida
Que deixei lá fora, na rua

E daí, vou sentindo a demora
De ver que o vulcão, que meu peito devora
Não teve a resposta ou contra-proposta
Da parte que é tua, fui tua

E daí, é uma pena que a moça não seja de cama e mesa
Um bicho, uma presa, que depois de usada se guarda ou se joga na lata do lixo

E daí, eu sou uma mulher, uma parte comum
De um jogo qualquer, pra perder ou ganhar
Ou aquilo que for, mais os dois
Com a mão, na colher

E daí, digo a frase maldita
E pra mim pouco importa se você acredita
Eu te amo e não temo este amor
Já vou indo, e levando esta dor
Vou em paz, pois não temo a dor de amar demais

E daí?…

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Mulher, e Daí? (Apenas Mulher) de Alcione assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.