Letra de

Passional

Alcione

Já vai embora…
Não diga adeus toda hora.
Diga só um que tente cortar
Esse meu ar de sua senhora,
Insuportavelmente um ar que te explora.
Não morra de pena de mim.
O que eu sinto
É coisa que passa e não mora.

Seja feliz pela vida.
Pra mim é questão de tempo ou bebida.
Pode ser de tempo ou ser de temporal,
Daquele que arrasa e que a tudo faz mal…
Depois tudo fica igual.
Esqueça meu pranto
E o meu rosto arrastando
Esse amargo terror passional.

Veja meu caro,
Nosso amor não foi nada de raro.
Teve um magro final.
O fim de toda trama
Que começa na cama
E termina metade carnal.

Já vai embora…
Me deixe sozinha agora.
Que eu quero me despentear e me desesperar
Pela casa afora,
Sumir no rubor de quem chora,
Clamar a explosão do desgosto
E acabar com esse meu ar
De sua senhora.

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Passional de Alcione assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.