Letra de

Telegrama

Alcione

Ah, que saudade de você
Estou a te esperar
A dor ainda está no meu peito
Ah, nas ruas meu olhar
Fica a te procurar
A dor ainda está no meu peito
Ah, as marcas de batom
Num casaco de vison
Aquele beijo imaginar
Ah, com os amigos vou jogar
Bate papo e conversa fora
Pra tentar me segurar
Me liga
Me manda um telegrama
Uma carta de amor
Que eu vou até lá
Eu vou
Que eu vou até lá
Eu vou
Que eu vou até lá
Eu vou
Que eu vou até lá

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Telegrama de Alcione assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.