Letra de

Recordações

Alexandre Pires

Nesse meu vazio eu vou ficar
Nas recordações vou te beijar
Eu perdi a noção do tempo,
Um refém do sentimento
Que existia em nós dois

Disfarçar já não me faz tão bem
Me privar de sofrer por alguém
Fantasias de um adolescente
Se eu pudesse fazer novamente
Apagava essa dor
Que nasce comigo no meu dia-a-dia
E me mata de amor, e me mata de amor
Será que eu mereço pagar
esse preço que não tem valor
Vem você, meu amor

Simples de dizer
Fácil imaginar
Impossível ser diferente
Nenhum novo amor pode apagar
Tudo que rolou entre a gente

Disfarçar já não me faz tão bem
Me privar de sofrer por alguém
Fantasias de um adolescente
Se eu pudesse fazer novamente
Apagava essa dor
Que nasce comigo no meu dia-a-dia
E me mata de amor, e me mata de amor
Será que eu mereço pagar
esse preço que não tem valor
Vem você, meu amor

Simples de dizer
Fácil imaginar
Impossível ser diferente
Nenhum novo amor pode apagar
Tudo que rolou entre a gente

Simples de dizer
Fácil imaginar
Impossível ser diferente
Nenhum novo amor pode apagar
Tudo que rolou entre a gente

Simples de dizer
Fácil imaginar
Impossível ser diferente
Nenhum novo amor pode apagar
Tudo que rolou entre a gente

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Recordações de Alexandre Pires assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.