Letra de

Faz de Novo

Anderson Freire

Posso sentir no corpo
Na alma o calor de Sua mão
Minha mente recorda a Sua intenção
Vaso que agrada o Seu coração

O tempo avançou
Mas isso não pode o meu choro levar
Ainda no culto eu posso chorar
O meu amor não chegou ao fim

E antes que isso aconteça preciso viver
De novo o início
De novo, quebra-me, Senhor
De novo, faz o que pensou
Oleiro, leva-me de volta ao primeiro amor

O tempo avançou
Mas isso não pode o meu choro levar
Ainda no culto eu posso chorar
O meu amor não chegou ao fim

E antes que isso aconteça preciso viver
De novo o início
De novo, quebra-me, Senhor
De novo, faz o que pensou
Oleiro, leva-me de volta ao primeiro amor

Vem me abrasar, vem me abrasar
Vem me abrasar, meu coração clama

De novo, De novo,
quebra-me, Senhor
De novo, faz o que pensou
Oleiro, leva-me de volta ao primeiro amor

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Faz de Novo de Anderson Freire assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.