Letra de

A Ilha

Armandinho

Eu sei que existe uma ilha
Onde o homem nunca lá pisou
Não há nem pegadas ou trilhas
Só uma onda que abria, abria, abria, abria, abria

Eu sei que existe uma ilha
Onde o homem nunca lá pisou
Não há nem pegadas ou trilhas
Só uma onda que abria, abria, abria, abria, abria

Vou guardar você em segredo
Vou sentir quando eu partir
Mas te trago na lembrança
Quando o céu me ver sorrir

Eu sei que existe uma ilha
Onde o homem nunca lá pisou
Quando a chuva vem refresca e partia
E é terral todo dia, dia, dia, dia, dia

Eu sei que existe uma ilha
Onde o homem nunca lá pisou
Eu sei que até parece ironia
Mas ela vai ser só minha, minha, minha, minha, minha

Vou guardar você em segredo
Vou sentir quando eu partir
Mas te trago na lembrança
Quando o céu me ver sorrir

Vou guardar você em segredo
Vou sentir quando eu partir
Mas te trago na lembrança
Quando o céu me ver sorrir

Eu sei que existe uma ilha
Onde o homem nunca lá pisou
Eu sei que até parece ironia
Mas ela vai ser só minha, minha, minha, minha, minha

Eu sei que até parece ironia
Mas ela vai ser só minha, minha, minha, minha, minha

Eu sei que até parece ironia
Mas ela vai ser só minha, minha, minha, minha, um dia

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música A Ilha de Armandinho assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.