Letra de

Dança

Arnaldo Antunes

Ela dança
Quando bate o vento ela samba
Samambaia folha de palmeira
Muitas outras como ela dançam ao redor

Galhos bons para subir criança
Mangas penduradas nas mangueiras
Brincos de princesa, cabeleiras
Num emaranhado de cipós

Vem vindo o vendaval
Temporal
Ventania
Depois a luz do sol
Céu azul
Calmaria

Mas a natureza não se cansa
Nunca perde o passo dessa dança
Sobre a minha rede que balança
Vejo o pé de jaca se abraçar no flamboyant

Eu queria ser como uma planta
Eu queria ter a vida mansa
E me libertar de toda ânsia
Me cobrir de orvalho de manhã

Vem vindo o vendaval
Temporal
Ventania

Depois a luz do sol
Céu azul
Calmaria

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Dança de Arnaldo Antunes assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.