Letra de

Onde Mora o Amor

Arnaldo Antunes

Pego em seu pé
É só um pé
Pego em sua mão
É sua mão
Pego em seus cabelos
São só cabelos
Aqui tudo é
Aquilo que é

Onde mora o amor
Onde mora o amor

Se você respira e produz calor
Pulsa, arrepia, sua e sente dor
Daqui sai voz ou só um gemido
Ouço sua voz, um ruído
Faz sentido, por um triz
Aqui tudo diz baby, aquilo que diz

Onde mora o amor
Onde mora o amor

Ah! Sai da narina devagar
O sangue irriga, a carne viva
A boca cria saliva
Nádega, peito, barriga
Só coração em todo lugar
Na nuca, cotovelo, umbigo
Boca, no calcanhar

Onde mora o amor
Onde mora o amor

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Onde Mora o Amor de Arnaldo Antunes assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.