Letra de

Numa Sala De Reboco

Aviões do Forró

Todo tempo quanto houver pra mim é pouco
Pra dança com meu benzinho numa sala de reboco
Todo tempo quanto houver pra mim é pouco
Pra dança com meu benzinho numa sala de reboco
Enquanto o fole tá tocando tá
gemendo
Vou dançando e vou dizendo meu sofrer pra ela só
E ninguém nota que eu estou lhe conversando
E nosso amor vai aumentando pra coisa mais melhor
Todo tempo quanto houver pra mim é pouco
Pra dança com meu benzinho numa sala de reboco
Todo tempo quanto houver pra mim é pouco
Pra dança com meu benzinho numa sala de reboco
Só fico triste quando o dia amanhece
Ai, meu Deus se eu pudesse acabar a separação
Pra nós viver igualando a sangue – sunga
E nosso amor pede mais fuga do que essa que nos dão
Todo tempo quanto houver pra mim é pouco
Pra dança com meu benzinho numa sala de reboco
Todo tempo quanto houver pra mim é pouco
Pra dança com meu benzinho numa sala de reboco

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Numa Sala De Reboco de Aviões do Forró assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.