Letra de

Paraíso Particular

Cristiano Araújo

Sei que a nossa história foi um pouco conturbada,
Cheia de divergências, de cenas inusitadas.
O mundo só nosso, nosso próprio universo,
Nossas juras, nosso próprio dialeto
E dias de loucuras que não vão voltar.

E pior é que ainda dá um nó,
Quando eu lembro de nós,
Mas tipo, nada a vê.
É só o que eu gosto de lembrar
Fechar os olhos, te tocar
Por um instante ainda te ter.

Problema meu se ainda amo,
Se ainda ouço a tua voz,
Que vira e mexe eu penso em nós,
Como eu queria que não fosse assim.

Mas não controlo essa saudade,
Quando bem quer ela me invade,
É madrugada ou fim de tarde,
Eu juro que já tentei resistir.

Não dá pra te arrancar de mim…

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Paraíso Particular de Cristiano Araújo assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.