Letra de

Liberta-me!

Fernanda Brum

Me condenaram a uma vida amarga
Me amarraram pra eu não prosperar
Rasgaram meus sonhos, o meu ministério
Cortaram minhas asas pra eu não mais voar
Mas eu clamei ao Deus dos céus
Ele ouviu o meu clamor

Liberta-me, liberta-me
Liberta-me, liberta-me
Oh, Do fogo do Egito, da escravidão
Do frio, do medo, dessa escuridão
Da mentira, do roubo, de altares pagãos
Liberta-me, Cristo, com a tua Unção

Mas eu clamei ao Deus dos céus
Ele ouviu o meu clamor

Liberta-me, liberta-me
Liberta-me, liberta-me, agora Deus
Do fogo do Egito, da escravidão
Do frio, do medo, dessa escuridão
Da mentira, do roubo, de altares pagãos
Liberta-me, Cristo, com a tua Unção

“Oh, seja liberto agora pelo poder do sangue de Jesus
Que se rompam as suas cadeias de enfermidades
Do alto da cabeça até a planta dos pés
O Poder do Espírito Santo arrebenta teus grilhões, agora”

Liberta-me, liberta-me
Liberta-me, liberta-me
Oh, Do fogo do Egito, da escravidão
Do frio, do medo, dessa escuridão
Da mentira, do roubo, de altares pagãos
Liberta-me, Cristo, com a tua Unção

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Liberta-me! de Fernanda Brum assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.