Letra de

Palácios

Fernanda Brum

Não se acende a luz do Sol
Nos 220 voltz dos palácios de Brasília
Não se acende a luz do Sol
Com as chaves de um carro conversível do ano
Não se acende a luz do Sol
Com a ponta de um cigarro, um baseado, coisa assim
Pra que medir força com o Sol da Justiça
Pra que querer brilhar mais que a Estrela da Manhã
Pra que combater o Bem com o Mal
De que lado você está?
De que lado você está?
De que lado você quer ficar?
De que lado você quer ficar?
Onde está a honra dos orgulhosos?
A sabedoria mora com gente humilde

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Palácios de Fernanda Brum assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.