Letra de

Viola Enluarada

Gabriela Rocha

A mão que toca um violão se for preciso faz a guerra
Mata o mundo, fere a terra
A voz que canta uma canção se for preciso canta um hino
Louva a morte viola em noite enluarada
No sertão é como espada esperança de vingança
O mesmo pé que dança um samba se preciso vai à luta capoeira
Quem tem de noite a companheira sabe que a paz é passageira
Pra defendê-la se levanta e grita eu vou
Mão, violão, canção, espada, e viola enluarada
Pelo campo e cidade porta bandeira, capoeira
Desfilando vem cantando liberdade, liberdade.

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Viola Enluarada de Gabriela Rocha assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.