Letra de

Luz Que Me Traz Paz

Maneva

Refletiu nos meus olhos adeus solidão
Duas histórias que se cruzam sem intenção
Combustível pra alma minha inspiração
Povoando minha existência e imaginação

Quando fecho meus olhos sempre posso sentir
Os seus olhos e seus lábios sorrindo pra mim
Nado nesses seus olhos mar de inspiração
Tua boca, tua pele, teu cheiro é canção

Eu vou cantar pra ela
Que sem ela não existo mais
Eu vou cantar pra ela
Que eu sempre a quero mais

E eu vou dizer pra ela
Que ela é a luz que me traz paz
Refletiu nos meus olhos adeus solidão
Duas histórias que se cruzam sem intenção

Combustível pra alma minha inspiração
Povoando minha existência e imaginação
Teus cabelos meus dedos vigor e desejo
O suspiro e o sal na pele começa com um beijo

Nossas bocas duas peças encaixe perfeito
Eu me entrego nervoso nunca com receio
Eu vou cantar pra ela
Que sem ela não existo mais

Eu vou cantar pra ela
Que eu sempre a quero mais
E eu vou dizer pra ela
Que ela é a luz que me traz paz

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Luz Que Me Traz Paz de Maneva assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.