Letra de

Teu Chão

Maneva

Conte comigo quando não tiver ninguém
É o teu brilho que me faz ir sempre além
Me olhe, repare, a linguagem, o desejo
Meus versos, um gesto, sorriso, um cortejo

Conte comigo sempre pra te proteger
Sou cobertor num dia frio pra te aquecer
Enlace, encaixe, dois corpos, um beijo
Milhares de poros são um por inteiro

As cores de um belo dia pintam a paz
Meu pensamento reflete o que eu quero mais

Ser tuas mãos se estiver tateando o escuro
Seus olhos que enfrentam um clarão absurdo
Ser teu chão
Ser presente que sempre vislumbra um futuro
Tua estrada, teu rumo, teu porto seguro
Ser teu chão

Dificuldades também vão aparecer
São os desatinos que ensinam a crescer
Ciúmes, vaidade, orgulho e soberba
Desviam os caminhos nos tornam uma presa

Dos obstáculos que temos pra vencer
Sou o instrumento que vai sempre oferecer
Apoio, sustento, arrimo, um eixo
Ser duro, ser doce depende o momento

As minhas dores, elas não existem mais
Meu pensamento reflete o que eu quero mais

Ser tuas mãos se estiver tateando o escuro
Seus olhos que enfrentam um clarão absurdo
Ser teu chão
Ser presente que sempre vislumbra um futuro
Tua estrada, teu rumo, teu porto seguro
Ser teu chão

Por favor preencha todos os campos.






Comentários

A música Teu Chão de Maneva assim como todas as outras encontradas aqui no Letraz, são de propriedade de seus respectivos autores e são divulgadas somente para fins educacionais, sendo vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98). All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.

© 2017 CONTTEUDO MEDIA GROUP, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.